Como fazer ótimas fotografias de crianças em festas e eventos é uma dúvida constante de vários fotógrafos. Aqui seguem algumas dicas que podem ajudar!

O fotógrafo que gosta de trabalhar com crianças e que deseja concentrar seus esforços nesse nicho de mercado, certamente encontra com facilidade as oportunidades para se desenvolver nesse campo, uma vez que a área da fotografia infantil é muito abrangente.

Aniversários, nascimentos, batizados, momentos em família, formaturas de escolinha são algumas das oportunidades que o profissional pode ser chamado.

São muitas as ocasiões e claro, são momentos únicos que provavelmente marcarão a vida tanto dos pais como dos filhos. É portanto, um trabalho muito criterioso e que deve ser feito com muito amor e dedicação, pois os registros dessa fase infantil marcam gerações.

Para ajudar ao fotógrafo, tanto aquele que está iniciando a carreira, quanto o que já atua há bastante tempo, mas ainda tem suas dúvidas, elaboramos 6 dicas importantes para ajudar esse profissional a fazer fotografias infantis ainda melhores. Continue a leitura!

1 – A fotografia é a sua praia?

Se você ama o universo da fotografia, tudo fica mais fácil. Se ama crianças, então o trabalho vira um verdadeiro passatempo! Isto porque elas são bastante carinhosas, amorosas, divertidas e, embora adorem uma bagunça, entendem fácil o que se pede para elas.

O segredo do bom fotógrafo é sempre demonstrar bastante simpatia e carinho, além respeitar a vontade e o espaço dos pequenos.

Portanto, é necessário muita paciência em todos os momentos. Muitas vezes, ao fazer a fotografia de festa infantil, o (a) aniversariante não quer colaborar, seja porque ficou tímido ou está triste com algo passageiro.

A ideia neste momento, é tentar conquistá-lo, fazendo amizade, e claro, deixando a fotografia para ser feita depois, quando ele (a) estiver mais animado (a).

É muito importante não bancar o “chato”, porque a criançada quer comer doces, bolo e quer se divertir. Se o profissional colaborar, elas colaboram com ele.

» Fotografia infantil traz lucro para o profissional?

2 – Não perca nenhum detalhe!

É obrigação do fotógrafo profissional estar sempre atento a todos os detalhes possíveis.

Em uma festa de aniversário, batizado ou formatura de escolinha, no qual as crianças são o foco principal, todos os detalhes importam. As brincadeiras, os sorrisos, os choros emocionados, enfim… Tudo conta quando se busca a melhor fotografia na festa infantil.

Contudo, como a criançada corre mesmo, não dar para ficar atento quando a festa “pega fogo”. O negócio, é chegar pelo menos 20 ou 30 minutos antes do evento começar, pois assim já dar pra ficar atento ao que ocorre em volta.

Essa antecipação é ótima para ir notando quem são as crianças, qual é a mais animada, a mais desinibida, a mais engraçada, a mais tímida etc., em razão de que tudo isso facilita o trabalho do profissional.

E quando for montar o álbum de fotografia de festa infantil, certamente, todos estes detalhes ajudarão a escolher as melhores poses e consequentemente, auxiliam na preparação do trabalho com mais qualidade.

3 – Busque a espontaneidade!

Criança brincando com balões e bolhas de sabão

Atitudes naturais, como risadas, caretas, olhares, poses e brincadeiras são uma forma que a criança demonstra seus melhores momentos, sem qualquer vergonha e com muita naturalidade.

A grande sacada aqui é o fotógrafo prestar atenção à esses detalhes e no momento certo, capturar aquele clique arrebatador!

Para tanto, como já foi falado, é importante manter o foco na criança o tempo todo e em tudo que a envolve, como os demais coleguinhas, os pais, os tios, os avós, enfim, tudo que possa render imagens deslumbrantes!

4 – Agache-se um pouco!

É impossível fazer foto de criança de cima para baixo, e muitos fotografos de festa infantil pecam por isso.

E não é à toa, uma vez que este estilo de foto é um dos mais complicados, porque além de prestar atenção aos momentos que envolvem a criança, é preciso estar o tempo todo em uma determinada postura, a fim de registrar os melhores ângulos.

Embora abaixar e levantar o tempo todo provoque um certo incômodo no profissional, os resultados da fotografia de festa infantil valem muito a pena.

Aqui vale ainda uma observação: A fotografia infantil feita de baixo para cima, só é recomendada em casos onde se queira registrar a fragilidade da criança ou mesmo qualquer outro efeito mais artístico.

Outra dica importante de quem já atuou bastante com isso é levar uma almofadinha, a fim de tornar a posição mais confortável ao se ajoelhar.

5 – Foque nos momentos mais importantes

Crianças soprando vela do bolo de aniversário

Vamos combinar que, em se tratando de uma festa de aniversário infantil, o momento mais importante é o da criança apagando as velas.

Se for um batizado, o instante em que a criança recebe as bênçãos é o mais esperado. Se for uma formatura de prezinho ou ensino básico infantil, o ápice do evento é quando o (a) pequenino (a) é homenageado (a) com o diploma simbólico.

Assim, para cada ocasião, há um ponto alto: um minuto que todos esperam ver. Desse modo, quem está com a lente à postos precisa prestar atenção a esse instante se quiser capturar fotos maravilhosas. Portanto, busque também novos ângulos sempre, a fim de fazer de cada registro uma experiência nova.

Outro ponto interessante e que pode render ótimos registros, são aquelas situações que são muito divertidas, como por exemplo, quando uma outra criança resolve aprontar e tenta apagar as velas do bolo, antes mesmo que o próprio dono da festa as assopre, ou ainda, alguma criança que aproveita o “holofote” para fazer graça diantes dos tios e avós.

Nesses casos, tudo merece registro, logo, a sensibilidade do fotógrafo deverá falar mais alto.

6 – Bom humor, criatividade e bons equipamentos: sucesso garantido!

É importante lembrar que a festa infantil precisa ser levada com leveza, serenidade e descontração. É preciso sentir a festa como se fossemos crianças também.

Dessa forma, não é nada legal ficarmos de cara fechada, de mau humor, mesmo que a festa seja “de criança”. Mantenha o bom humor nesse momento e procure animar os participantes se quiser obter ótimos registros.

Por isso, brinque, cative a criançada, sugira novas poses, sorrisos, incentive abraços, brinque com todos e deixe-os à vontade para “serem crianças”. O fotógrafo está lá para isso, registrar a alegria dos pequenos e deixar que se sintam realmente em casa. Só assim a fotografia de festa infantil ficará impecável!

Por último, e não menos importante, não esqueça-se de investir em um bom equipamento. Para essa empreitada, lentes 24-70mm 2.8 e 50mm 1.8 são ótimas aliadas do fotógrafo profissional. Uma câmera DSLR também faz toda diferença, e é claro, nunca é demais manter sempre à disposição cartões de memória, baterias bem carregadas e flash, para qualquer necessidade.

Então, essas foram as nossas dicas, para que você, enquanto fotógrafo profissional, consiga registrar os melhores cliques de uma festa infantil, seja ela qual for. Esperamos que tenhamos te ajudado a aprimorar ainda mais o seu gosto por fotografias!

Aproveite e confira também algumas dicas para fazer ensaios infantis.