Treinar o olhar fotográfico é algo imprescindível para todo especialista na área da fotografia, pois é esse olhar que diferencia uma pessoa comum com uma câmera na mão do verdadeiro profissional. O segredo não é e nunca foi o aparelho em si mas, a visão de mundo a ser registrada pelo profissional. Mas, claro que uma máquina avançada tecnologicamente pode aprimorar muito o resultado do trabalho. 

O fotógrafo que tem vocação para a atividade, não enxerga apenas o óbvio em uma cena, ou o que qualquer outra pessoa é capaz de retratar. Ele faz o mesmo registro, porém, de ângulos e perspectivas diferentes que revelam outros detalhes dessa imagem. E trabalhando assim, ele encantará e hipnotizará seus clientes com a fotografia tirada.

Por esses motivos já citados consideramos importante treinar o olhar fotográfico.  Mas como fazer isso?

COMO TREINAR O OLHAR FOTOGRÁFICO?

1 – Atente para a luminosidade

A luz é um elemento importantíssimo para se posicionar diante da fotografia. No início e no fim do dia, ela permanece suave. Suas sombras são amenas e não prejudicam tanto o elemento principal na foto. Contudo, no meio do dia e no período da tarde, quando o sol está a pino, fotografar o elemento principal pode requerer um pouco mais de criatividade. Isto porque as sombras estão mais fortes e mais intensas, o que não impede o profissional de fazer uma foto brilhante.

2 – Enquadre formas diferentes

Treinar olhar fotográfico. Ensaio de casal no parque.
Ensaio de casal no parque

Na composição da foto, é sempre interessante agrupar formas diferentes junto do elemento que se quer registrar. Assim mesclar as linhas retas das construções civis com os detalhes e acabamentos de imagens e outras formas que encontramos no dia a dia produz um efeito mais bonito na imagem. 

Por exemplo, uma árvore no meio da cidade contrastando com o trânsito do dia a dia, um casal abraçado no meio da multidão ou dentro de um carro, etc. Contudo, atente para o objetivo principal da foto e não permita que o foco se perca na composição.

» Dicas de composição na fotografia
» Fotometria: Dicas de fotografia para iniciantes

3 – Contrastes

Fique atento para os contrastes que possam haver na fotografia. Muitos deles ajudam a destacar o elemento principal do registro. São eles:

• Luz e sombra
• Circular e reto
• Luz quente e fria
• Silhuetas de encontro às nuvens ou céu
• Sólido contra translúcido ou transparente
• Cores opostas
• Movimento e estrutura parada

4 – Treinar o olhar fotográfico para o incomum

Em certas ocasiões, vale a pena investir um esforço maior para enxergar algo incomum na fotografia, ou de certa forma, repetir a cena já fotografada outras inúmeras vezes. Pense nos reflexos da fotografia, tal qual os reflexos na água, no vidro ou no chão.

» 15 Dicas para ensaio fotográfico de casais

5 – Justaposição ao treinar o olhar fotográfico

A justaposição depende muito de cada fotógrafo e da forma como este olha o mundo ao seu redor. Impossível ditar uma regra nesse sentido, porque depende muito do que o profissional entende o que “casa” perfeitamente na foto. Contudo, é importante prestar atenção se os elementos secundários da foto, como paisagens, objetos, pessoas não “roubam a cena” do elemento principal que se quer registrar, deixando-o quase nulo.

Por exemplo, se a intenção for mostrar um carro, deixá-lo “abandonado”  no canto da foto, ao lado de uma multidão de pessoas ou em frente a um prédio de destaque, com certeza deixará o automóvel imperceptível.

Treine bastante o seu olhar e acredite, seu trabalho terá cada vez espaço!